NOTÍCIAS

Entrevistas, matérias e mais

Quais problemas podem ocorrer na língua?

Quais problemas podem ocorrer na língua?

Como todos os órgãos, a língua também está sujeita a problemas e doenças. Responsável pela fala, deglutição e degustação, a língua dá sinais que há algo errado com a saúde bucal e que precisam de atenção de um profissional. Você sabe quais são os problemas que podem aparecer na língua?

 

6 PROBLEMAS QUE PODEM OCORRER NA LÍNGUA

1. Aftas

As aftas são uma inflamação da mucosa da boca que podem atingir também a língua, apresentando lesões como úlceras avermelhadas com parte do meio amarelada. Elas podem surgir por conta de reações alérgicas, baixa imunidade, uso de antibióticos e corticoides, nível baixo de vitaminas B e C, infecções causadas por vírus e doenças sexualmente transmissíveis (gonorreia, HIV e sífilis).

Em alguns casos, as aftas podem ser prevenidas com uma alimentação balanceada e uma boa higiene bucal. Elas tendem a desaparecer sozinhas depois de duas semanas, mas caso o desconforto persista por mais tempo, é importante procurar um profissional para indicar algum medicamento.

 

2. Candidíase oral

Causada por um fungo da espécie Candida albicans¸ a candidíase oral é popularmente conhecida como sapinho. É uma infecção que causa placas esbranquiçadas na língua e em outras partes da boca, aparecendo muitas vezes em pessoas com imunidade baixa.

Para ficar longe da candidíase oral, alguns hábitos auxiliam na prevenção, como manter a boca sempre limpa e hábitos saudáveis para fortalecer o sistema imunológico.

 

3. Câncer de língua

É um tipo de tumor que acomete a região da mucosa oral. Predominante na população, o câncer de língua é mais comum aparecer em homens acima dos 50 anos e que possuem o hábito de fumar há muitos anos. Outros fatores como alto consumo de álcool, falta de cuidado com os dentes e higienização precária da boca também favorecem o aparecimento do tumor.

O câncer de língua dá sinais como manchas avermelhadas ou esbranquiçadas, caroços, dormência na língua, rouquidão, dificuldade para engolir etc. O diagnóstico precoce é de extrema importância para a redução de riscos e o sucesso do tratamento. Por isso, ao notar qualquer desconforto na região, procure o seu dentista para avaliação.
Aqui no meu consultório já detectei vários casos em estados precoces, possibilitando tratamento, por isso não deixei de ir regularmente ao dentista.

 

4. Língua geográfica

A glossite migratória benigna, ou língua geográfica, é uma condição que causa marcas bem definidas, salientes, com bordas brancas e ásperas na língua. Pode variar de tamanho, causando irritação, ardência ou dor e surge por conta de distúrbios hormonais, estresse, alergias etc.

A língua geográfica faz parte da anatomia da pessoa e alguns hábitos como manter boca limpa e não consumir alimentos picantes e ácidos, ajudam a amenizar a irritação.

 

5.  Língua presa

Chamada de anquiloglossia, a língua presa é quando a pequena membrana, conhecida como freio, é menor do que o normal e impede que o órgão se movimente como deveria.

Pode prejudicar a higiene bucal e um dos sinais é a dificuldade na fala, principalmente nos fonemas com as letras T, D, Z, S, N e L.

É comum nas crianças, mas pode continuar até a fase adulta caso não passe por tratamento. O mais comum é a frenotomia, procedimento que faz uma incisão no freio da língua e dá a autonomia que a língua precisa.

 

6. Língua preta pilosa

Algumas pessoas, por conta do acúmulo de queratina nas papilas, acabam adquirindo uma coloração preta na língua dando a impressão que tem pelos. Pode surgir pelo uso de tabaco, péssima higiene oral, infecções bacterianas ou fúngicas etc.

A boa higiene bucal é a primeira estratégia de defesa contra a língua preta. Beber menos café, parar de fumar e ter uma alimentação saudável, além de melhorar a higiene bucal, fará com que a maior parte da coloração escura desapareça.

 

HÁ QUANTO TEMPO VOCÊ NÃO VAI AO DENTISTA?

Os cuidados com a língua são essenciais para manter a saúde bucal em dia e visitar um dentista regularmente faz toda a diferença. Você sabia que o diagnóstico precoce contribui para o sucesso de cada tratamento? Por isso é importante realizar consultas preventivas com um profissional.

Aqui no consultório, através de uma avaliação, indico o melhor cuidado para cada caso.

Dessa forma, os pacientes se sentem seguros e resgatam o sorriso. Agende uma avaliação e tenha a atenção que a sua saúde bucal merece com muito carinho e segurança.

 

Dra. Michele Caldas, especialista em periodontia e implantodontia, Smile designer e membro efetiva da Sociedade Brasileira de Odontologia Estética.